Deputado suspende coleta de assinaturas para apresentação de PEC extinguindo a Justiça do Trabalho

Marcos Santos/USP


Anamatra reforçou atuação pela valorização da Justiça do Trabalho nos últimos dias

 

O deputado federal Paulo Eduardo Martins (PSC/PR) afirmou à imprensa, nesta quinta (10/10), que suspendeu a coleta de assinaturas para apresentação de Proposta à Emenda à Constituição que extinguia a Justiça do Trabalho.  

Segundo o parlamentar, diversos deputados alertaram sobre das previsões da proposta. Para Eduardo Martins, trata-se de assunto delicado que precisa  ser mais amadurecido.


“Na Era Democrática, pós-1988, não é a primeira vez que ataques às garantias dos direitos sociais ocorre. Ficaremos sempre atentos. Sem garantias, expressas num sistema forte de justiça, não há direitos”,
declarou a presidente da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra), Noemia Porto.


O tema é tido como prioritário pela Anamatra. Além das audiências com parlamentares e com outras autoridades da República, a entidade divulgou, nessa quarta (9/10), nota pública. O documento aponta diversas inconstitucionalidades da proposta, entre elas vício de iniciativa e afronta aos direitos e garantias sociais fundamentais.   Clique aqui e confira.

Receba nossa newsletter

Menu