Novos juízes e juízas do Trabalho conhecem a sede da Anamatra

Magistrados e magistradas da 2ª Região que participam do 25º Curso de Formação Inicial da Enamat são recebidos pelos dirigentes da Associação

A Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra) recebeu em sua sede, nessa terça-feira (10/09), visita dos novos juízes e juízas do Trabalho que fazem parte do 25º Curso de Formação Inicial (CFI) da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados do Trabalho (Enamat). O grupo é integrado por magistrados e magistradas da 2ª Região, aprovados no 1º Concurso Público Nacional Unificado para a Magistratura do Trabalho.


Em sua saudação, a presidente da Anamatra, Noemia Porto, falou da importância da união de todos em prol do fortalecimento e da defesa da Justiça do Trabalho. Referiu o histórico de atuação da Anamatra no decorrer de seus quase 43 anos, atuando em momentos históricos importantes, como a Constituinte e a reforma do Judiciário, que ampliou a competência da Justiça do Trabalho. “Precisamos valorizar o nosso ramo e o Direito que aplicamos. A Magistratura do Trabalho é única, por várias razões, incluindo o seu alto grau de profissionalização. É uma Magistratura que se especializa no direito social”, disse.


A diretora de Assuntos Legislativos da Anamatra, Viviane Leite, falou dos desafios do trabalho no Congresso Nacional, isso porque os resultados não dependerem apenas da atuação associativa, mas, sim, do Parlamento. “Mas, sem dúvidas, há êxito em cada uma das visitas em que falamos da Justiça do Trabalho. Ouvimos críticas, mas também palavras de incentivo”, disse. “Eu não me vejo na carreira sem a vida associativa. Nada substitui esse apoio que a nossa Associação nos dá”, completou.


“Todos os diretores são um pouco diretores de prerrogativas. Estamos sempre atentos a todas as demandas e denúncias de violações que chegam até nós. A razão de existir da Anamatra são vocês. Quando lutamos pelos nossos direitos, lutamos pelos direitos de todos vocês”, explicou o diretor de Prerrogativas e Assuntos Jurídicos da Anamatra, Marco Freitas, ao falar sobre o trabalho da pasta.


O vice-presidente da Anamatra, Luiz Colussi, que conduziu a recepção, falou dos próximos eventos da Associação, dos diversos convênios disponíveis aos associados, bem como da estrutura da entidade. “Estamos todos sempre preparados para trabalhar por vocês e contamos muito com todos para esse momento de dificuldades e desafios”.


Também participaram da recepção o presidente da Amatra 2 (SP), Farley Ferreira, e a juíza Fabiane Ferreira, integrante da Comissão Legislativa da entidade, bem como os magistrados Hermann Hackradt (21ª Região), Maria de Nazaré Rocha (8ª Região) e Giovanni Olsson (12ª Região), que participam como tutores do Curso de Formação.  “Se nós não somos associados, perdemos a grande oportunidade de estarmos unidos, de sermos a base e ditarmos os rumos de atuação da entidade”, explicou o dirigente da Amatra 2 (SP).

Clique aqui e confira o álbum de fotos

 

 

Receba nossa newsletter