Anamatra prestigia posse de novos conselheiros do CNJ

O desembargador Rubens Canuto e a juíza federal Candice Galvão ocuparão as duas vagas reservadas à Justiça Federal

A presidente da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra), Noemia Porto, e o vice-presidente, Luiz Colussi, prestigiaram, nesta terça-feira (10/9), a posse de dois novos conselheiros do Conselho Nacional de Justiça: o desembargador Rubens Canuto e a juíza federal Candice Galvão. A solenidade ocorreu na sede do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Os magistrados foram indicados pelo STJ e ocuparão as duas vagas reservadas à Justiça Federal. Rubens Canuto atuou como delegado da Polícia Federal e advogado da União. Ingressou na magistratura em 2002, no cargo de juiz federal substituto do Tribunal Regional Federal (TRF) da 4ª Região e, em dezembro de 2015, tomou posse como desembargador do Tribunal Regional Federal da 5ª Região.

Já a juíza federal Candice Galvão pertence à magistratura federal desde 2005, quando ingressou no Tribunal Regional Federal da 1ª Região, na Seção Judiciária do Distrito Federal, uma das 14 sob jurisdição da corte.

Os dois novos conselheiros passaram por sabatinas e seus nomes foram aprovados pelo Plenário do Senado Federal em 10 de julho. Ambos foram nomeados por decreto presidencial do dia 8 de agosto de 2019. 

Para Noemia Porto, presidente da Anamatra, a composição plural e renovada do Conselho Nacional de Justiça é representativa da força desse órgão que lidera as políticas judiciárias do sistema brasileiro.

Receba nossa newsletter